Atribuição do Prémio de Arquitectura do Douro 2010/11

Publicado em Notícias
Ler 2837 vezes
Decorreu no Museu da Vila Velha, no passado dia 18 de Abril - Dia Internacional dos Monumentos e Sítios - a cerimónia de atribuição do Prémio de Arquitectura do Douro 2010/2011.
O Arquitecto Álvaro Siza Vieira foi o galardoado, graças ao armazém de envelhecimento de vinho criado para a Quinta do Portal, de sua autoria.
O júri do prémio, composto por representantes da EMD, da Direcção Regional de Cultura do Norte, do Turismo de Portugal, da Ordem dos Arquitectos e pelo arquitecto António Belém Lima, atribuiu ainda duas menções honrosas à Adega do Vallado (de Francisco Vieira de Campos, da "Menos é Mais - Arquitectos Associados") e à Capela de Travassos, do arquitecto Paulo Moura.
A última edição do prémio havia sido ganha pelo Arq. António Belém Lima, com o Museu da Vila Velha.

DSC05146

Decorreu no Museu da Vila Velha, no passado dia 18 de Abril - Dia Internacional dos Monumentos e Sítios - a cerimónia de atribuição do Prémio de Arquitectura do Douro 2010/2011.

O Arquitecto Álvaro Siza Vieira foi o galardoado, graças ao armazém de envelhecimento de vinho criado para a Quinta do Portal, de sua autoria.

O júri do prémio, composto por representantes da EMD, da Direcção Regional de Cultura do Norte, do Turismo de Portugal, da Ordem dos Arquitectos e pelo arquitecto António Belém Lima, atribuiu ainda duas menções honrosas à Adega do Vallado (de Francisco Vieira de Campos, da "Menos é Mais - Arquitectos Associados") e à Capela de Travassos, do arquitecto Paulo Moura.

A última edição do prémio havia sido ganha pelo Arq. António Belém Lima, com o Museu da Vila Velha.

Classifique este item
(0 votos)